16 de setembro de 2019
Textual description of firstImageUrl

Palácio de Versalhes: guia completo sobre a visita

Palácio de Versalhes: guia completo sobre a visita

Palácio de Versalhes: guia completo de como visitar o maior palácio do mundo na França

Por Daniela Almeida

Conhecer os jardins do Palácio de Versalhes era um dos objetivos da nossa viagem de três em dias em Paris em abril de 2018. Ver de perto aquele famoso jardim que é um dos mais copiados em todo o mundo nós fez colocar esse atrativo entre os principais do roteiro.

Receba nossas atualizações

(Não se esqueça que é preciso confirmar a inscrição para receber nossos e-mails)

No Palácio, nós estivemos. Mas nos jardins? Bem, esse não deu tempo de ver. Como assim? Vou te contar como foi essa experiência neste post completinho.

E aqui você ainda vai ler sobre:
- O Palácio de Versalhes.
- O que visitar dentro e fora do Palácio.
- O Palácio de Versalhes com idosos.
- Como comprar ingressos para Versalhes.
- Tour privado em Versalhes.
- Como chegar ao Palácio de Versalhes por conta própria.
Palácio de Versalhes: guia completo sobre a visita
Palácio de Versalhes: guia completo sobre a visita 


Internet ilimitada em 210 países

Viaje para 210 países com plano de dados ilimitados da EasySim4u. Com o chip, você já chega no destino conectado, mantém seu número de WhatsApp e pode acessar a internet e suas redes sociais tranquilamente durante o período de sua viagem. E você ainda pode escolher: frete grátis usando o cupom RBBVGRATIS ou ganhar 10% de desconto com o cupom DDMUNDOAFORA10.



Palácio de Versalhes: guia completo sobre a visita 

- O Palácio de Versalhes: história

Cenário para muitos filmes, o Palácio de Versalhes também é um dos pontos turísticos mais visitados em Paris.

Também pudera! Ele é um dos mais importantes atrativos artísticos e culturais do século XVII e foi declarado Patrimônio Mundial da Humanidade.

E é muito lindo mesmo. Vale a pena a visita!

Detalhe do Palácio de Versalhes
Detalhe do Palácio de Versalhes


Sede do governo francês entre 1682 e 1789, o Palácio foi idealizado por Luis XIV que quis transformar a antiga cabana de seu pai (Luis XIV) na sua corte oficial.

Depois dele, vários outros reis se instalaram no castelo que foi transformado em museu de história em 1837. Isso aconteceu por vontade do rei Louis-Philippe, após este subir ao trono em 1830.

A realeza e os nobres que viviam no local só deixaram a propriedade em 1789 durante a Revolução Francesa. Luis XVI e Maria Antonieta, últimos moradores reais do Palácio, fugiram para Paris e morreram na guilhotina tempos depois.

Após um período abandonado, Napoleão Bonaparte revitalizou Versalhes e passou a morar ali com sua esposa e familiares.

Portão principal do Palácio de Versalhes em Paris
Portão principal do Palácio de Versalhes em Paris

Palácio de Versalhes em Paris
Palácio de Versalhes em Paris

Seguro Viagem com 10% de desconto 

Vai viajar? Não importa se vai ficar no Brasil ou vai para o exterior. O Seguro Viagem é um item muito importante e até obrigatório, no caso da viagem ser para Europa. Faça sua cotação e escolha a seguradora que melhor se adéqua ao seu perfil. Na Seguros Promo, leitor do D&D tem 10% de desconto: 5% na contratação com o cupom DEDMUNDOAFORA5 + 5% pagando no boleto. Se preferir, ainda pode pagar em até 12x no cartão de crédito.


- Como visitar o Palácio de Versalhes por dentro e por fora

O Palácio está localizado no subúrbio de Paris, a 21 quilômetros da capital francesa e é um dos maiores do mundo. São 2300 cômodos (só de quartos, são 700). 😱

Quartos do Palácio de Versalhes em Paris
Quartos do Palácio de Versalhes em Paris

Mais um quarto do Palácio de Versalhes
Mais um quarto do Palácio de Versalhes


A visita no interior do castelo vai durar o tempo de sua curiosidade. Nós ficamos em torno de duas horas lá dentro. E é bem fácil se locomover pelos espaços, pois é bem sinalizado e segue uma ordem definida.

Mas além da parte interna do Château, o passeio pode ser feito também nos jardins, no parque e no Trianon.

E para conseguir ir a todos estes locais, será necessário reservar o dia todo. Dependendo das condições físicas de cada um e até climáticas, mais de um dia.

Mapa do Palácio de Versalhes
Mapa do Palácio de Versalhes

Palácio de Versalhes por dentro: como é a visita ao Château

Na parte interna do Château de Versalhes, estão abertos à visitação: capela, ópera, Grandes Aposentos do Rei e da Rainha, escritórios, galerias das Batalhas e de História do Castelo, entre outros salões.

Alguns cômodos do Palácio de Versalhes
Alguns cômodos do Palácio de Versalhes

Capela dentro do Palácio de Versalhes
Capela dentro do Palácio de Versalhes

Detalhes de algumas obras de artes no Palácio de Versalhes
Detalhes de algumas obras de artes no Palácio de Versalhes

Teto de um dos cômodos no Palácio de Versalhes
Teto de um dos cômodos no Palácio de Versalhes

Cômodo do Palácio de Versalhes
Cômodo do Palácio de Versalhes

Escadarias do Palácio de Versalhes
Escadarias do Palácio de Versalhes

Uma das várias salas do Château de Versalhes
Uma das várias salas do Château de Versalhes

Château de Versalhes
Château de Versalhes


As melhores hospedagens com os menores preços

Procurando por hotéis, hostels, pousadas ou resorts? Faça sua pesquisa no Booking e no Hotéis.com. Nos dois buscadores, você encontra as melhores opções, com os menores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.


Palácio de Versalhes: Galeria dos Espelhos

O mais importante destes espaços, porém, é a Galeria dos Espelhos (ou Salão do Espelho). Construída em 1678, ela tem 375 espelhos espalhados pelas paredes e 17 janelas. Foi neste lugar, aliás, que foi assinado o Tratado de Versalhes em 1919, pondo fim à Primeira Guerra Mundial.

É muito bacana e foi o que mais gostamos de conhecer.

Salão dos Espelhos - Palácio de Versalhes
Salão dos Espelhos - Palácio de Versalhes

Modelando em frente a um dos 375 espelhos do salão no Palácio de Versalhes
Modelando em frente a um dos 375 espelhos do salão no Palácio de Versalhes

Salão dos Espelhos no Palácio de Versalhes
Salão dos Espelhos no Palácio de Versalhes

Outro ângulo do Salão dos Espelhos no Palácio de Versalhes
Outro ângulo do Salão dos Espelhos no Palácio de Versalhes


Aliás, é de uma das janelas deste salão que dá para ver os jardins na parte onde fica o "Parterre da Água" e o "Grande Canal" mais à frente.
| Detalhe: jardins vistos da janela da Sala dos Espelhos.
Jardins do Palácio de Versalhes
Jardins do Palácio de Versalhes

Detalhe do lago nos Jardins do Palácio de Versalhes
Detalhe do lago nos Jardins do Palácio de Versalhes

Parte externa do Palácio de Versalhes

Além dos aposentos do Palácio, a propriedade em Versalhes ainda conta com o lado externo, onde ficam o Grand Trianon (Palácio de mármore rosa), a fazenda de Maria Antonieta, o Petit Trianon, o templo do amor e o grande canal

E é claro, os famosos jardins. Inaugurados em 1701, após 40 anos de obras, eles estão em uma área de 800 hectares.

Neste espaço estão vários bosques (abertos apenas em dias de shows musicais), fontes e até plantações de laranjas.

Jardins do Palácio de Versalhes
Jardins do Palácio de Versalhes

| Curiosidade: As árvores dos jardins são replantadas a cada cem anos para ficarem sempre vistosas e apresentáveis, vamos dizer assim.

- O Palácio de Versalhes com idosos

Se você viaja com idosos, saiba que a visita ao Palácio de Versalhes pode ser um tantinho cansativa. Isso porque o local é muito grande. Tanto interna quanto externamente. Só a área dos jardins tem 800 hectares.

Para conhecer tudo, às vezes, será necessário mais de uma visita. Mesmo para os mais jovens. Além disso, durante o passeio ao ar livre, é preciso levar em consideração o sol forte.

Tem gente que aluga bicicletas, carrinhos elétricos (cerca de 32 euros por hora) ou pega um trenzinho (8 euros) para conseguir circular por tantos corredores verdes de forma mais confortável. Se tivéssemos tido tempo, era isso que faríamos para fazer a visita com mamis.

Jardins do Palácio de Versalhes
Esse foi o mais perto que chegamos dos jardins do Palácio de Versalhes

| Dica: para dirigir o carrinho elétrico é preciso ter carteira de motorista. Saiba como tirar a sua permissão internacional para dirigir neste post.

- Palácio de Versalhes: ingresso

Para visitar o palácio é possível escolher alguns tipos de ingressos disponíveis, de acordo com os espaços a serem visitados.

Praça e estacionamento em frente ao Palácio de Versalhes
Praça e estacionamento em frente ao Palácio de Versalhes

- Passaporte para visita completa (castelo, jardins e parque, Trianon, galeria dos Treinadores, Grandes Eaus Musicales ou jardins Musicaux e exposições temporárias): 20 Euros.

- Passaporte com horário marcado: o visitante pode reservar 30 minutos do dia para visitar o interior do castelo. A entrada é prioritária e acontece a cada uma hora: 20 Euros.

- Castelo: acesso ao interior do palácio e jardins (exceto em dias de Grandes Eaus Musicales ou Jardins Musicaux), parque, galeria dos Treinadores e exposições temporárias: 18 Euros.

- Trianon: inclui visita à propriedade do Trianon, jardins (exceto em dias de Grandes Eaus Musicales ou Jardins Musicaux), parque, galeria dos Treinadores e exposições temporárias: 12 euros.

- Bilhete Musical da Água: show de águas dançantes nas fontes (Grandes Eaux Musicales) com música barroca em datas e horários específicos. Acesso aos jardins, bosques e piscina: 9,5 euros.

- Ingresso Musical Gardem: show de águas dançantes (Jardins Musicais) com música barroca em datas e horários específicos. Acesso aos jardins e bosques: 9,5 euros.

- Bilhete Águas da Grande Noite: show de águas dançantes nas fontes (Grandes Eaux Musicales) com música barroca. Conta com efeitos cênicos e fogos de artifício. Acesso aos jardins, bosques e piscina: 26 euros.
| Confira aqui os horários oficiais dos shows de águas dançantes.

- Bilhete Palácio + Academia Equestre de Versalhes: Acesso à academia equestre, castelo, exposições temporárias, jardins (exceto em dias de Grandes Eaus Musicales ou Jardins Musicaux), parque e galeia das Carruagens.: 19 euros.



| Atenção: o bilhete para entrar no Palácio de Versalhes está incluso no Paris Museum Pass. Porém, neste caso, a entrada nos jardins é cobrada à parte. Em abril de 2018, custava 8 euros.
Palácio de Versalhes visto da área externa da propriedade
Palácio de Versalhes visto da área externa da propriedade 


- Tour privado em Versalhes

Como estávamos com mamis e queríamos aproveitar bem nossos poucos dias em Paris, resolvemos conhecer o Palácio de Versalhes em um tour privado.

Nossa escolha foi a Telma France Tour. Uma empresa criada pela família do baiano Levi, fundador da banda baiana Ásia de Águia, ao lado de Durval Lelis.

Levi da Telma France no tour até o Palácio de Versalhes
Levi da Telma France no tour até o Palácio de Versalhes


É uma companhia que nós recomendamos muito. Além de serviço impecável, eles falam português, o que facilita bem a viagem de quem não fala o idioma.
| Você pode ler sobre a empresa, que é de propriedade de brasileiros lá da Bahia, neste post.

Pelo roteiro enviado anteriormente pela operadora, teríamos cinco horas (saindo de Paris) para o passeio: iríamos visitar o Châteua e depois, de carro, visitaríamos os Domínios de Maria Antonieta, o Grand Trianon, o Petit Trianon, a fazendinha, o Templo do Amor e o Grande Canal.

Apesar disso, só deu tempo de conhecer o interior do Palácio. Por um ajuste que a agência precisou fazer por conta de outro serviço no mesmo dia, tivemos que reduzir o tour para menos de três horas, incluindo ainda um tempinho para comer, o que não fizemos também.

Eu bem que tentei ir até o Jardim por outra entrada com acesso pela lateral direita da propriedade, mas ia demorar muito e acabei desistindo.

Acesso ao Palácio de Versalhes pelo lado do Triano
Acesso ao Palácio de Versalhes pelo lado do Trianon


Apesar de não ter dado tempo de andar pelos jardins de Versalhes, o passeio foi muito bacana e valeu a pena. Principalmente para quem está com idosos ou com crianças.

Neste caso, recomendamos o tour privado pela praticidade para chegar a Versalhes e poder andar pela parte externa da propriedade com conforto e comodidade.

- Como chegar ao Palácio de Versalhes por conta própria

Como falei, nós optamos por ir a Versalhes em um tour privado. Mas quem quiser ir por conta própria também é bem fácil. Tínhamos até feito essa pesquisa antes de acertar o passeio com a Telma France.

Saindo de Paris, basta pegar o trem RER C e descer na estação Versailles Rive Gauche ou o metrô, parando em Versailles Rive Droite ou ainda em Versailles Chantiers.

Em qualquer uma das paradas será necessário andar um pouco até chegar às portas do Palácio. Porém, a mais próxima é a do trem Versailles Rive Gauche. São cerca de 13 minutos andando (1km). As outras duas, de metrô, estão a 20 minutos (1,5 km) e a 21 minutos (1,6 km), respectivamente.




Também dá para ir de carro para ter mais liberdade. Nós sugerimos alugar um veículo. Na RentCars há várias opções.

Alugue um carro e tenha liberdade 

Para ter liberdade nas viagens tanto no Brasil quanto no exterior, contar com um carro à disposição pode ajudar muito, principalmente se estiver viajando com idosos ou crianças. Na RentCars, você pode alugar um carro nas melhores locadoras do mundo, pagar em Real e ainda parcelar em até 12x sem juros no cartão.


- Informações práticas

Funciona: 
Castelo: de terça a domingo - das 9 horas às 18:30 horas
Trianonde terça a domingo - das 00 hora às 18:30 horas
Parque: todos os dias - das 7 às 20:30 horas
Jardim: todos os dias - das 8 às 20:30 horas
Endereço: Place d'Arnes - Versailles
Telefone: +33 01 30 83 7800
Valor: 20 Euros (passaporte 1 dia) | 18 Euros - ingresso castelo
Obs.: Gratuito para menores de 18 anos, visitantes do Paris Pass e Paris Museum Pass (sem entrada nos jardins) e no primeiro domingo do mês (entre novembro e março)

COMPRE AQUI ingressos para visitar o Palácio de Versalhes. São várias opções disponíveis.


VAI VIAJAR? Confira os serviços que vão facilitar sua viagem
➤ Reserve sua hospedagem em todo o mundo no BOOKING.COM ou no HOTEIS.COM
Compre suas passagens na DECOLAR, VIAJANET, ou na KLM
Compre pacotes de viagem com os melhores preços na DECOLAR, VIAJANET ou na CVC
Compre ingressos sem filas para atrações, passeios e serviços em todo o mundo na GET YOUR GUIDE
Faça seu seguro viagem com até 10% de desconto com a SEGUROS PROMO
Compre seu chip de celular e internet para usar em 210 países com a EASYSIM4U
Nenhum comentário:
Postar um comentário

Topo da página