27 de julho de 2018
Textual description of firstImageUrl

Como acionar o Seguro Viagem no exterior

Como acionar o Seguro Viagem - Foto Pixabay

Como acionar o Seguro Viagem no exterior

Por Daniela Almeida

Em abril de 2018, fizemos nossa primeira Eurotrip. Em 21 dias, passamos por oito cidades (uma delas apenas em conexão) e seis países: Londres, Amsterdam, Paris, Veneza, Florença, Roma, Cairo e Istambul.

Receba nossas atualizações

(Não se esqueça que é preciso confirmar a inscrição para receber nossos e-mails)

E apesar de ter sido uma viagem inesquecível, aconteceram algumas situações que, embora não tenham atrapalhado em nada, precisaram de atenção e um cuidado especial.

Uma destas situações foi uma gripe fortíssima que eu, mamis e Danubia enfrentamos. Na verdade, eu já sai do Brasil muito gripada (do tipo que há uns 20 anos eu não sabia como era kk). Deve ter sido praga mesmo, só pode kkkk.

Viajei tossindo muito, nariz entupido e o ouvido entupiu no avião, ficando assim durante uns 10 dias até eu mesma fazer uma lavagem básica com uma seringa kk (que alívio - mas eu tô acostumada a fazer isso, viu gente).

Aproveite para ler também:

E como se não bastasse, a pessoa é tão solidária, que resolveu compartilhar a gripe com sua querida mamis logo nos primeiros dias. Nós duas passamos a viagem inteira daquele jeito...

Para piorar, deu uma bolha no dedinho dela e eu fiz uma coisa muito errada tentando ajudar: colei três band-aids no local e ela ficou com eles durante 24 horas. Com isso, prendeu o sangue e o dedinho ficou pretinho. Resultado: mamis teve de andar de sandália e meia (porque estava frio demais) durante quase 20 dias até irmos embora para casa.

E teve mais? Teve!!! Nos últimos cindo dias, Danubia também pegou essa mesma gripe forte, ficou rouca e tudo mais que tinha direito.

Resumo da história: foi um viagem boa, mas precisamos, pela primeira vez, utilizar o Seguro Viagem contratado.

Será que deu certo? Foi fácil usar? Confira todos os detalhes.

É obrigatório contratar Seguro Viagem?

Em primeiro lugar, é preciso explicar que para viajar para Europa é obrigatório ter um seguro viagem no valor de no mínimo 30 mil Euros.

Mas não precisa se preocupar, pois o seguro não custa muito caro. Para 21 dias na Europa, nós pagamos R$ 164,91 para cada uma de nós. Comparando com o que teríamos de pagar pela consulta e  pelos remédios, foi quase de graça.

Na verdade, é um gasto que vale a pena e que você espera pagar sem precisar usá-lo.

Mas se precisar, vai ver que compensa pagar os R$ 164 sorrindo...

Internet ilimitada em mais de 140 países

Viaje para mais de 140 países com plano de dados ilimitados da EasySim4u. Com o chip, você já chega no destino conectado, mantém seu número de WhatsApp e pode acessar a internet e suas redes sociais tranquilamente durante o período de sua viagem.

Como usar o seguro viagem em uma emergência

Como já relatamos, estávamos muito gripada em nossa viagem pela Europa. E, por medo da gripe virar uma pneumonia, resolvemos nos consultar (eu e mamis) em Paris.

 Aproveite e confira como foi nossos três dias em Paris

Conversando com a atendente do hotel em que ficamos hospedadas (Art Hotel Eiffel), a gentil e simpática Letícia, ficamos sabendo que não compensava ir ao hospital da cidade porque tudo estava em greve e ficaríamos lá durante praticamente uma manhã inteira.

Então, pedimos uma ajuda para a Telma, da Telma France (nossa parceira nesta viagem a Paris), e ela nos orientou a chamarmos o SOS Médecins no número 3624. Após tentarmos falar com o atendente e não entendermos nada do francês, pedimos a Letícia e ela, gentilmente, fez a ligação.

Foi informado que demoraria cerca de 1 hora para o médico chegar. Mas ele apareceu, batendo na porta do quarto, em menos de dez minutos. E isso mesmo não sendo uma emergência...

Uma consulta rápida (menos de 20 minutos) para duas pessoas e uma receita com quatro remédios e antibióticos nos custou 160 euros e mais quase 90 euros na farmácia. Isso em reais (com o Euro cotado a R$ 4,09) nos custou exatos R$ 1022 🙀😮😖.

E olha que nem no dedo de mamis o doutor quis mexer. Disse que, se furasse, poderia inflamar e ser pior para andar.

Como não estávamos em um consultório, pedimos ao médico para fazer um relatório com o diagnóstico e os procedimentos realizados para encaminharmos depois à corretora de seguros (viajamos com a Assist Card, com compra feita por meio da Seguros Promo). Não acionamos a seguradora na hora porque, no Brasil, ainda era de madrugada.

Até achamos que seria bem complicado receber o dinheiro de volta por não termos ligado antes ou porque a consulta não tinha sido feita em um hospital/clínica. Mas foi muito simples, deu tudo certo e nós vamos te mostrar quais foram os procedimentos.

Como acionar o seguro viagem

Como disse, ainda bem que viajamos seguradas e o Seguro Viagem nos reembolsou todos os gastos com a consulta e com os remédios. Por isso, não viaje sem ele!!!

Seguro Viagem com 10% de desconto 

Vai viajar? Não importa se vai ficar no Brasil ou vai para o exterior. O Seguro Viagem é um item muito importante e até obrigatório, no caso da viagem ser para Europa. Faça sua cotação e escolha a seguradora que melhor se adéqua ao seu perfil. Na Seguros Promo, leitor do D&D tem 10% de desconto: 5% na contratação com o cupom DEDMUNDOAFORA5 + 5% pagando no boleto. Se preferir, ainda pode pagar em até 12x no cartão de crédito.

A primeira providência a tomar quando tiver uma emergência durante a viagem é acionar a seguradora para que ela possa te encaminhar ao local conveniado. Para isso, basta ligar para os contatos que estão marcados na apólice (tenha sempre o documento ou os números anotados em local de fácil acesso).

Mas, se não for possível essa ligação, como aconteceu com a gente, vá até o local de atendimento mais próximo (no nosso caso, o médico veio até nosso quarto no hotel) e, após a consulta, peça os comprovantes.

O mesmo deve ser o procedimento nas farmácias. Se seu seguro contar com esse serviço (o nosso tinha, graças a Deus), peça e guarde a nota fiscal de todos os medicamentos comprados.

Depois da consulta ou no retorno ao Brasil (nós voltamos para casa 12 dias depois desse atendimento médico), entre em contato com a seguradora para informar o que aconteceu e saber quais os procedimentos devem ser tomados.

Para pedir o nosso reembolso, fomos instruídas pela seguradora a entrarmos no site para preencher um formulário eletrônico (com todos os dados pessoais e bancários e o número da apólice) e anexar a documentação necessária (comprovante da consulta, receituário e nota fiscal dos medicamentos).

Como acionar o Seguro Viagem - Seguro da Assist Card
Como acionar o Seguro Viagem - Seguro da Assist Card


Em seguida, a seguradora avaliou tudo que foi enviado e, em três dias, recebemos o e-mail avisando que o pedido de reembolso havia sido aprovado e que o dinheiro seria depositado na conta bancária informada previamente. 

Simples e sem burocracia.

Viu, já pensou se a gente não tivesse com seguro viagem? Teríamos gastado mais de mil reais por conta de uma simples gripe.

➤ Aproveite e saiba como escolher o melhor seguro viagem de acordo com suas necessidades.

➤ Se estiver viajando com idosos, como nós, o seguro é ainda mais importante. 

Obs: Foto da abertura deste post: Pixabay
Nenhum comentário:
Postar um comentário

VAI VIAJAR? Confira os serviços que vão facilitar sua viagem
➤ Reserve seu hotel em todo o mundo no BOOKING.COM ou no HOTEIS.COM
➤ Compre suas passagens na DECOLAR, AVIANCA, EMIRATES ou na KLM
➤ Compre suas passagens de trem para toda a Europa com a RAILEUROPE
➤ Compre seus pacotes de viagem na DECOLAR ou na CVC 
➤ Troque sua moeda estrangeira na COTAÇÃO
➤ Compre ingressos sem filas para atrações em todo o mundo na TicketBar e na Tiqets
➤ Faça seu seguro viagem com a SEGUROS PROMO
➤ Compre seu chip de celular e internet com a EASYSIM4U
Topo da página