30 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

O que fazer em Barcelona (Espanha)

 Post atualizado em 24 de junho de 2016
Casa Batlló - Barcelona - Espanha

O que fazer em Barcelona (Espanha)

Por Fátima Costa (Blog  A saga para descobrir o velho continente )
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES POR E-MAIL

Durante o período em que cursei o mestrado na Ilha da Madeira, Portugal, também visitei outras cidades e outros países ao redor. Um destes lugares foi Barcelona, na Espanha.

Ao chegar à Barcelona, fiquei encantada. A cidade é famosa pelo turismo internacional e por realizar o maior número de despesas com cartão de crédito. Ai meu Deus! Não quero ver o saldo do meu.
26 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

Ilha da Madeira - Funchal (Portugal)

Post atualizado em 24 de junho de 2016
Ilha da Madeira - Funchal (Portugal)



Ilha da Madeira - Funchal (Portugal)

Por Fátima Costa (Blog  A saga para descobrir o velho continente)


A minha saga começou na saída do aeroporto de Guarulhos (São Paulo). Foram 14 horas até o destino final: o Aeroporto Internacional da Madeira (código FNC para a cidade do Funchal). Entretanto, tive que passar pelo Aeroporto de Portela, em Lisboa. Diga-se de passagem, é o maior aeroporto português com maior volume de tráfego. 

Bem, em resumo: preocupação com as malas na conexão, uma noite perdida (sem dormir) e mais três horas que avançaram no meu relógio, por causa do fuso horário, que existe no velho continente.
24 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

Rio de Janeiro - o que fazer em cinco dias

Post atualizado em 23 de junho de 2016
Rio de Janeiro


Rio de Janeiro - o que fazer em cinco dias na cidade maravilhosa

Por Daniela Almeida
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES POR E-MAIL

O Rio de Janeiro continua lindo!!!!!! Eu sei. Esta é uma frase clichê, mas não poderíamos iniciar este post de uma forma diferente, pois o Rio de Janeiro, realmente, continua lindo. Embora esta seja a nossa primeira vez na tão famosa cidade maravilhosa.

Rio de Janeiro

A nossa viagem para o Rio teve início no começo do ano de 2014. “Todo mundo vai para o Rio de Janeiro. Só a gente que não”. Foi por esta frase que decidimos que iríamos conhecer o tão famoso cartão-postal do Brasil. E acrescentar em nossa bagagem cultural mais uma das sete maravilhas do mundo: o Cristo Redentor. Com esta visita, completamos três maravilhas (MachuPicchu - Peru, em agosto de 2012; Chichen Itza – México, em janeiro 2014; e Cristo Redentor – Brasil, em abril de 2014).

Após a escolha do destino, iniciamos nossas pesquisas de local, datas, hotéis, etc. Primeira decisão: a data.
17 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

Como tirar passaporte

 Post atualizado em 22 de junho de 2016Como tirar passaporte

Como tirar passaporte


Uma das primeira tarefas de quem vai viajar para fora do país é providenciar o passaporte. Em alguns locais da América do Sul, como Argentina, Peru, Chile, Bolívia e Uruguai, por exemplo, não é exigido. Apenas documento de identidade com menos de 10 anos de emissão.
15 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

Como planejar sua viagem

Post atualizado em 22 de junho de 2016
Como planejar sua viagem D&D Mundo Afora
Site http://www.clmais.com.br/public/noticias/048486_crop.jpg 

Como planejar sua viagem


Viajar é muito bom. Isso todo mundo já sabe!!! Mas engana-se quem pensa que uma viagem só começa quando chegamos ao nosso destino. Planejar também faz parte e é uma etapa tão boa (se realizada de forma correta) quanto desfrutar das belezas do lugar escolhido.

Pelo menos é para nós. Quando decidimos que é hora de viajar, começamos os preparativos com muita antecedência. Quando decidimos viajar para Cancun, por exemplo, foram quase cinco meses até o dia de, finalmente, embarcar. Para o Rio de Janeiro, a mesma coisa: três meses de pesquisas e preparativos. E não estou falando apenas de arrumar a mala, pois isto é, para nós, o mais simples.

Cristo Redentor Rio de Janeiro


O planejamento começa desde quando decidimos qual será o nosso destino. Partindo daí, é hora de por a "mão na massa": pesquisar. É uma fase muito gostosa, gera ansiedade e você já sente que está viajando.

Data
A escolha da data é um fator tão importante quanto o destino, principalmente se você quer fazer uma viagem maravilhosa, com tudo que tem direito, mas sem gastar demais ou sem gastar valores fora da sua realidade. Afinal, não é nada ruim se for possível economizar, seja qual for o valor, sem perder a qualidade da viagem.

Particularmente, gosto de fazer minhas pesquisas iniciais no site da Decolar, pois considero um site fácil de acessar e de fazer consultas. 

Então, a primeira coisa é decidir o dia ou o intervalo de dias. Costumamos decidir quantos dias queremos permanecer no lugar (ainda que modifiquemos mais para frente) para fazer diversas simulações de datas de partida e de chegada. A partir daí, vou comparando os preço dos voos para saber qual a melhor data neste intervalo. Às vezes, mesmo dentro da mesma semana, os preços das passagens aéreas podem apresentar diferenças "gritantes". Comprar ida e volta também garante umas boas economias.

Hotel
Escolhida a data, é hora de decidir o hotel. No site da Decolar, por exemplo, a compra da passagem junto com o hotel rende ao viajante uns bons descontos. Quando compramos o pacote para Cancun, dependendo do hotel e da quantidade de diárias, o valor do desconto chegava a R$ 1000. Outra dica: quando for comprar o pacote, escolha a data que você deseja, ao invés de pesquisar por pacotes prontos apenas pelo mês, pois neste último acaba saindo mais caro, já que são oferecidas combinações prontas.

Escolher o hotel vai depender muito do gosto e da disponibilidade financeira de cada um. É muito bacana quem tem coragem de viajar apenas com um mochila e de se hospedar em qualquer lugar. Mas nós, particularmente, não gostamos muito disso. Não é o nosso perfil, principalmente porque sempre viajamos em família e com mamis, que já tem mais de 60 anos. Para nós, o hotel faz parte da viagem. Tem que ser um lugar bonito, bacana, limpinho. Isso transforma qualquer viagem em sonho bom! rsrsrsr.

_________________________________________________________________________________
Buscando hotéis? No Booking, você sempre encontra os melhores hotéis com os melhores preços.


Quando viajamos para Cancun, por exemplo, ficamos alguns dias em um hotel baratinho, pois saíamos cedinho e só retornávamos à noite, depois dos passeios. Então não valia a pena pagar caro apenas para dormir. Mas, depois, ficamos em um resort all inclusive (Grand Park Royal Cancun). E foi maravilhoso: ficar "de pernas para o ar", com tudo sendo servido na hora que queríamos, sem pagar nada a mais por isso, sem ficar contando dinheiro para saber se ia dar ou não....

Neste exemplo de Cancun, a divisão entre dois hotéis e a compra da passagem junto com a hospedagem, nos renderam uns R$ 2 mil de desconto por pessoa. Isso faz muita diferença.......

Grand Park Royal Cancun México
Grand Park Royal Cancun

Além disso é preciso ficar atento aos comentários sobre a hospedagem. Quando pesquisamos, olhamos os comentários sobre o lugar, reclamações e elogios, fotos, preços, mas também se é um lugar bacana, se é um lugar onde poderemos ter boas lembranças. E como sou apaixonada por fotos, se será um lugar que vai ficar bonito nas fotos!!!!!!!

Ah, é importante também saber onde o hotel está localizado. Dependendo do lugar, é preferível pagar um pouco a mais na diária do que ter que desembolsar "rios" de dinheiro com conduções todas as vezes que precisar sair para algum passeio. Isso sem contar o transtorno da locomoção. 

No nosso caso em Cancun, o hotel baratinho (Soberanis) ficava no centro da cidade e tinha um ponto de ônibus em frente. Sem contar supermercado ao lado, restaurantes, entre outros serviços que, estando próximos, facilitam muito a vida de quem está viajando e economizam não só nossos preciosos reais/dólares/euros, quanto dor de cabeça.

O site Trivago também é uma boa referência para pesquisas de opiniões e preços de hotéis, destinos, passeios, entre outros. 

Passagens
O prazo para compra das passagens também é importante. A dica é comprar com alguns meses de antecedência, mas, nem muito antes e nem muito em cima da hora. Segundo o site Melhores Destinos, para viagens nacionais, o ideal é comprar entre 25 e 40 dias, em baixa temporada. Já em alta, entre 60 e 90 dias. Já para os destinos internacionais,  recomenda-se comprar entre 60 e 120 dias antes da viagem, se esta for realizada em alta temporada. E entre 30 e 60 dias, em baixa temporada.

Passagem de avião

Mas é bom verificar, pois as vezes consegue-se economizar no preço da passagem, mas pode ser que aquele hotel que cabe certinho no seu bolso não esteja mais disponível na data desejada. Então, é preciso ficar de olho nas duas opções.

Ah, como falei, costumo usar o site da Decolar para verificar preços de passagens, hotéis e pacotes. Ele é muito bom para compra de pacotes (hotel+passagem), pois gera descontos. Porém, caso for comprar apenas a passagem, dê uma olhada em qual companhia aérea está oferecendo a passagem mais barata (dentro das suas preferências) e vá direto ao site dela, já que, neste caso, não há cobrança de taxa de serviço.

E sabe o que aconteceu com a gente outro dia? Fomos comprar passagens para Foz do Iguaçu (em julho de 2016) e descobrimos, por acaso, que comprar a passagem individual ficava mais barato do que comprar as três em uma compra só. No final, era possível economizar R$ 522. E nós fizemos isso. Na terceira compra, porém, o valor da passagem subiu um pouco. Anida sim, conseguimos economizar quase R$ 300, comprando deste jeito.

Não sabemos se foi coincidência e ou se isso costuma acontecer. Mas vale ficar de olho!!!

Passeios
Outro fator importante, é pesquisar quais são as atrações e passeios que você quer realizar durante a viagem. Gosto muito de ler blogs e grupos de discussão sobre o que fazer em cada lugar para saber se vale a pena ou não escolher o destino. Conhecendo essas opções, ficará fácil fazer uma programação para confirmar se a quantidade de dias será suficiente ou não para fazer tudo que se tem vontade. Eu gosto de reservar uns dias para fazer os passeios e outros para não fazer nada, literalmente.

Passeio de buggy em Búzios RJ
Passeio de buggy pelas praias de Búzios (Janeiro/2012)

Clima
Lembre-se de pesquisar também o clima. Já imaginou você se programar para ficar horas à beira mar, com aquele sol maravilhoso e descobrir que no lugar escolhido é inverno? O clima também vai influenciar sobre o que você vai levar na mala.


Moeda
Outro passo importante é saber qual a moeda do país (no caso de viagem internacional). Levar dinheiro em espécie é a melhor opção, pois é mais barato. Mas também é a forma mais arriscada, pois fica-se vulnerável quanto a roubos ou perdas.

Além disso, é preciso ficar atento na hora de fazer a troca. Prefira postos autorizados. Há algum tempo, saíram inúmeras notícias, dizendo que na Argentina, por exemplo, estavam passando notas falsas para os turistas. Então, tenha cuidado redobrado.

Saiba como foi nossa viagem para Bueno Aires, Argentina


Em maio de 2016, o Governo Federal elevou a taxa do IOF para compra de dinheiro estrangeiro em espécie de 0,38% para 1,1%. Ainda assim, continua sendo a melhor opção.

Dinheiro em espécie

O cartão pré-pago também é uma ótima opção, mesmo com aumento do IOF em 2014. Em janeiro de 2015, quando fomos para Cancun, essa regra ainda não estava valendo e o cartão pré-pago foi a nossa escolha, além do dinheiro em espécie.

Ainda há o cartão de crédito, mas é preciso tomar cuidado. Nele você vai gastando, gastando e quando receber a fatura pode ter uma terrível surpresa, já que o valor da compra é convertido de acordo com o câmbio do dia.

Documentação
Outro item indispensável é a documentação necessária para fazer a viagem. Dentro do país é mais tranquilo, pois basta a carteira de identidade e/ou certidão de nascimento para crianças, voucher do hotel e passagens. Mas, para viagens internacionais, é preciso ter muita atenção.

Na América do Sul não é preciso passaporte, desde que seu RG esteja em perfeito estado e com menos de 10 anos de emissão. É o caso do Peru, por exemplo. Quando fomos para lá, bastou apresentar o RG. Já para entrar no México, foi preciso tirar o passaporte.

Em alguns países, como os Estados Unidos, por exemplo, além do passaporte, é exigido um visto de permanência. Devido à burocracia para o procedimento, é aconselhável providenciá-lo com bastante antecedência. (Confira o passo a passo para o pedido do visto americano). Já no Egito, você compra o visto na chegada do aeroporto: mais fácil e prático. 

Passaporte


Planilha de gastos
Uma outra dica, não sei se outros viajantes fazem o mesmo, mas na minha casa sempre fazemos assim (mesmo porque, não temos dinheiro para sair gastando apenas pelo prazer de gastar. rsrsrs). Tudo que gastamos, durante a viagem, é anotado em uma planilha. Todos os dias, quando chegamos ao hotel, anotamos em um papel tudo que foi comprado, seja 1 real da água mineral ou 100 dólares de um passeio. Isso ajuda a ter os gastos sempre visíveis durante a viagem e, ao final, saber se foi gastado mais ou menos do que o planejado.

A prática também gera dados curiosos. É possível saber, por exemplo, quanto custa uma água no Peru e em Cancun. Qual a cidade mais cara ou mais barata, entre outras informações.

De forma breve, veja os passos para se planejar e organizar uma viagem (existem centenas de outros, mas abaixo listei alguma dicas, baseadas nas experiências vividas por mim e por minha família):

- tentar comprar passagens junto com hotel, para garantir alguns descontos; 
- comprar com antecedência razoável, de acordo com alta ou baixa temporada. Sem esquecer de olhar disponibilidade dos hotéis;
- pesquisar as opções de passeios para montar uma programação bacana;
- pesquisar opções de hotéis, lendo dicas de quem já foi, comentários, reclamações e elogios, vendo fotos;
- pesquisar o clima e a moeda local; 
- providenciar dinheiro em espécie na moeda local e em cartão, de acordo com as necessidades e disponibilidades; 

E o mais legal, é que a maior parte destas etapas do planejamento você pode fazer aqui mesmo no D&D Mundo Afora

Blog D&D MUndo Afora


Nós temos parceria com dezenas de empresas com serviço e produtos relacionados à viagens, como passagem, hospedagem, câmbio, seguro, aluguel de carro, chip de celular, ingressos, pacotes de viagem, entre outros.



Viu quanta coisa e como é prático comprar por aqui? Não precisa nem sair do blog e "de quebra" nos dá uma ajudinha, já que ganhamos uma pequena comissão por cada venda!!!

Ah! Em nossas inúmeras pesquisas, também encontramos estas e outras dicas superbacanas em alguns blogs de viagem. Vale a pena dar uma olhadinha também!!! 



11 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

Machu Picchu (Peru) - maravilha do mundo

Post atualizado em 21 de junho de 2016
Machu Picchu - Peru

Machu Picchu (Peru) - uma das maravilhas do mundo


Apenas para relembrar, no post sobre Cuzco, contamos que eu, minha irmã Danubia e outros três amigos (Bruno, Denise e Analice) vistamos o Peru em agosto de 2012. Fomos com a agência Machu Picchu Brasil (ela não nos patrocinou) e, por isso, todos os tickets do trem e as entradas nos monumentos e em Machu Picchu já estavam incluídos no pacote. 

Nos primeiros dias de nossa viagem, conhecemos as atrações de Cuzco e do Vale Sagrado, como Catedral, Templo do Sol, Plaza del Armas, Mercado San Pedro, Pedra dos 12 Ângulos, Saqsayhuaman, Q'enco, Tambomachay, Ollantaytambo e Pisac

Peru

⇒ Ah!!!!! E não se esqueça de fazer o seguro viagem para ir ao Machu Picchu!!!! Ele é indispensável para entrar em vários países e você fica tranquilo para aproveitar o seu passeio!!!

Já no penúltimo dia, fomos conhecer o Machu Picchu, um dos sítios arqueológicos mais importantes e uma das sete maravilhas do mundo

Machu Picchu - Peru

3 de setembro de 2014
Textual description of firstImageUrl

O que fazer em Cancun, México

 Post atualizado em 21 de junho de 2016
D&D Mundo Afora em Cancun México


O que fazer em Cancun, México

Por Daniela Almeida
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES POR E-MAIL


Embora nossa viagem estivesse marcada para 13 de janeiro de 2014, começamos a “viajar” ainda no mês de setembro, quando decidimos o nosso destino: Cancun, no México.

Primeiro passo: providenciar o passaporte, uma vez que para ir à Cancun é exigido passaporte com validade mínima de seis meses. Ah, não é preciso emitir o visto!!!! Ele foi abolido no primeiro semestre de 2013.

Para o passaporte, fizemos o pedido pela internet no site da Policia Federal, pagamos a taxa, e agendamos a data para comparecer ao posto (para saber todos os detalhes de como emitir seu passaporte, basta acessar esse post com tudo explicadinho). 


passaporte


No dia combinado, em outubro, lá fomos nós (eu, "mamis" e Danubia) para Belo Horizonte, até o posto do UAI, na Praça Sete. O atendimento foi tranquilo e não demorou muito. A retirada do documento pronto também não demorou. Foram apenas 11 dias úteis (isso em 2013, né).

No mesmo dia, também fomos ao posto de atendimento ao viajante para pegar o Certificado Internacional de Vacina. Também muito rápido. É só levar a carteira de vacina com os documentos. Se ainda não tiver sido imunizado contra a febre amarela, você pode fazer isso no mesmo dia. Mas é preciso que seja feito em até 10 dias antes da viagem. (Calma, para ir até Cancun não é exigida a vacina contra a febre amarela, mas em todo caso, quisemos deixar tudo pronto para eventuais futuras viagens internacionais! Rs.
Topo da página